sábado, 25 de outubro de 2008

Tenho saudades...

...muitas.
Tenho saudades de Portugal. Tenho saudades de saber o que se passa nesse rectângulo à beira mar plantado. Tenho saudades de falar a minha lingua. Tenho saudades de que toda a gente entenda quando falo e não tenho que repetir. Tenho saudades de andar na rua e ler ou ver escrito Português. Tenho saudades de perguntar "Então tudo bem?" e ouvir o célebre "vai-se andando". Tenho saudades de ver os jogos da selecção num canal de tv português com comentários em português. Tenho saudades de ver as matrículas dos carros em português. Tenho saudades de ler as revistas cor de rosa portuguesas. Tenho saudades de ir ver os jogos da minha Académica. Tenho saudades de ver a nossa bandeira hasteada. Tenho saudades de ver nos ecrãs do aeroporto "Destination: Oporto". Tenho saudades de comer bacalhau do nosso.
Resumindo...tenho saudades de 'viver' como Portuguesa.


8 comentários:

  1. Entao fazemos assim. Vens ter comigo, eu digo o vai-se andando, passamos por um quiosque, compras a revista, vamos comer um bacalhau ao forum, e dps bora ver a briosa. Em meia horita tas no estadio municipal a matar a ultima saudade;) Tens é de aguentar não jogar o teu desporto predilecto, o bilhar...isso tem de ficar pá proxima.

    ResponderEliminar
  2. Oh Paulo LOL...não pode uma pessoa ter um jeito especial para jogar bilhar que é logo motivo de gozo!!! :D

    Então quando é que te dá mais jeito para eu dar um saltinho a Pt para fazermos o que disseste?:P

    **

    ResponderEliminar
  3. Sou um homem disponível....quando não estou indisponível.

    ResponderEliminar
  4. Ganda frase...fez-me lembrar aquela celebre frase da nossa Lili "Estar vivo é o contrario de estar morto!"!!!

    ResponderEliminar
  5. Isso já é mesmo o síndrome da falta das revista cor de rosa portuguesas:) Relógio no blog! faz lembrar a minha primeira frequência de programação;) só que este funciona...

    ResponderEliminar
  6. Olá Rita! Chamo-me Carina e, como tu, sou mais uma Portuguesa que decidiu vir para Madrid por motivos profissionais. Cheguei há um mês para trabalhar numa empresa norte americana que (ainda) não tem escritório em Portugal... Estou a gostar da experiência em terras espanholas, mas devo confessar que, ao início, pensei que fosse mais fácil a adaptação... De facto, revelou-se mais difícil sobretudo quando se vem sozinha, se começa logo a trabalhar com uma fase de formação intensa, com tudo o que há para descobrir, fazer/resolver quando se é "emigrante"... e quando se descobre que sentimos mais saudades do que pensávamos que iriamos sentir... Gostei particularmente deste teu post pois compreendo-te perfeitamente, espelha a 100% o que já sinto neste mês de experiência madrilena: as saudades do nosso querido "rectângulo"! Desejo-te muita sorte, sucesso e que demonstres as qualidades e carácter dos Portugueses nesta terra de nuestros hermanos! ;-) Carina

    ResponderEliminar
  7. Obrigada Carina!
    Também te desejo muito boa sorte...e muita força, porque como em tudo na vida passarás cá momentos muito bons e momentos menos bons...! :)

    ResponderEliminar

Comentários Anónimos só serão aceites se forem assinados.